Matérias
Amazônia

Brasil e Bolívia acordam construir ponte binacional na região amazônica

Presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Luis Arce concordam em avançar na construção da ponte sobre o rio Mamoré para impulsionar o desenvolvimento na Amazônia

Escrito por
Thiago Freire
September 29, 2023
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria
Leia Também

Os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Luis Arce firmaram um acordo para avançar na construção de uma ponte binacional na região amazônica durante uma conversa por telefone nesta quinta-feira (28/09). O Ministério das Relações Exteriores confirmou que ambos os líderes discutiram a "construção da ponte sobre o rio Mamoré, com a maior brevidade possível, levando em conta os interesses das comunidades fronteiriças locais".

Lula e Arce já haviam discutido o tema durante um encontro em agosto, à margem da cúpula dos países membros da Organização do Tratado de Cooperação Amazônica (Otca) em Belém, no Pará.

Para ambos os governos, é fundamental ampliar a infraestrutura para facilitar o desenvolvimento econômico e social da Amazônia e ao longo da extensa fronteira binacional de mais de três mil quilômetros.

A construção da ponte foi objeto de um acordo firmado entre o Brasil e a Bolívia em 2007 e estava em processo de discussão por equipes técnicas dos dois países desde o primeiro semestre de 2023.

Os Estados sul-americanos também destacaram a "excelente" relação entre o Brasil e a Bolívia, que envolve "diversos projetos e iniciativas voltados para a melhoria da integração física e econômica entre os dois países, em benefício de suas populações".

Segundo o Itamaraty, o lado brasileiro apresentará uma proposta à Bolívia nesta sexta-feira (29/09) que reflita os interesses de ambos os países e seja ratificada conforme o estabelecido no Acordo de 2007.

O ministro das Obras Públicas da Bolívia, Edgar Montaño, enfatizou que o cronograma relativo ao projeto está progredindo e que ambos os países estão dentro dos prazos correspondentes para a licitação. O Brasil se comprometeu a fornecer financiamento de até US$ 70 milhões para a construção da ponte binacional, que resolverá uma dívida histórica que remonta ao Tratado de Petrópolis de 1903. O projeto original envolve uma ponte de 1.200 metros com um custo de mais de US$ 52 milhões.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas