Matérias
Esporte

Após polêmica, Nacional FC se retrata nas redes sociais

O time postou uma imagem com os jogadores simulando um velório, após o famoso ‘rachão’ entre os jogadores, e não foi bem interpretada

Escrito por
Lucas Albarado
August 14, 2023
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria
Leia Também

O Nacional FC foi repreendido pela Federação Bahiana de Futebol (FBF) e recebeu notas de repúdio de torcedores de todo Brasil, após a publicação de uma foto em que os jogadores aparecem encenando um velório, com um jogador ao chão. 

A imagem foi publicada após quatro dias da morte de Deon, que morreu vítima de um infarto enquanto treinava no mesmo campo, com o time do Bahia de Feira. 

O timing da foto foi péssimo, já que não é a primeira vez que o Nacional publica uma foto assim. Em outras oportunidades, ao final do ‘Rachão’ a equipe fez fotografias com um jogador “morto” após o treino.

Nas redes sociais, parte dos torcedores do Nacional e outros clubes, discutem a postagem. Alguns entenderam que a imagem não buscava ferir a memória de Deon, mas que sua divulgação foi no tempo errado, enquanto outros mais ferrenhos xingam o time e falam que deveriam ser punidos de alguma forma. 

Larissa Balieiro, proprietária da ‘Agência Esportiva lbam’, que cuida das redes sociais do Nacional FC, e o Clube se pronunciaram sobre o caso. 

“A proporção da foto do Nacional foi negativa. Assumo aqui o erro da publicação. Principalmente porque isso machucou pessoas próximas ao atleta Deon, falecido dias atrás. 

Eu me pronuncio porque sou proprietária da agência que cuida da assessoria do Nacional. Passou por mim a foto, e por outras pessoas. O que mais li aqui foi ofensa. E conto no dedo os colegas que procuraram pra entender o que houve. Não houve intenção NENHUMA de desrespeitar ou usar de brincadeira a tragédia da morte do Deon. 

O elenco do Nacional assim como nós da agência, vivemos agora um momento de concentração para o jogo e muito por isso, não tivemos inteligência de analisar que a foto afetaria pessoas que vivem um outro momento: de assimilação e impacto ainda dá precoce perda do atleta. 

Nos solidarizamos e acompanhamos a comoção do acontecido. Mas, foi no automático a publicação. Sem NENHUMA INTENÇÃO de afetar. A gente aprende no erro. 

A gente sabe que não foi adequado. Mas esclarecemos. Só peço que não usem isso para atacar o clube, o futebol amazonense e acima de tudo as pessoas que trabalham no clube. Todo mundo tem caráter, tem consciência e como falamos: estamos de coração limpo que não foi para afetar. Falhamos. Falhei. E aprenderei".

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas