Matérias
Amazonas

Amazônia tem aumento de 8% nos incêndios em julho em comparação ao ano passado, apontam dados do Inpe

Escrito por
Redação
July 31, 2022
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria
Leia Também

<p>A Amazônia registrou <strong>5.373 </strong>focos de incêndio em julho, apontam dados do Instituto Nacional de Pesquisa Espaciais (Inpe). O número é um aumento de 8% em relação ao mesmo período do ano passado, quando <strong>4.977 </strong>pontos de fogo foram detectados.</p>

<p>Ao mesmo tempo, o número de focos é 21% menor do que o visto em julho de 2020 – quando a Amazônia registrou 6.803 focos de calor. O recorde para o mês é de 2005, quando foram detectados 19.364 pontos de incêndio.</p>

<p>A temporada de incêndios na Amazônia costuma ocorrer entre junho e outubro, mas<strong> as chamas são apenas parte do problema</strong>: no resto do ano, fazendeiros, garimpeiros e grileiros desmatam a floresta e se preparam para queimá-la. O primeiro semestre deste ano teve a maior área da Amazônia Legal sob alerta de desmate em 7 anos.</p>

<p>De 1º a 22 de julho, a floresta já tinha 1.186 km² de área sob desmate, segundo monitoramento do satélite Deter-B, também ligado ao Inpe. O satélite produz sinais diários de alteração na cobertura florestal para áreas maiores que 3 hectares (0,03 km²), tanto para áreas totalmente desmatadas como para aquelas em processo de degradação florestal (exploração de madeira, mineração, queimadas e outras).</p>

<p></p>

<p>Fonte: <a href="https://g1.globo.com/meio-ambiente/amazonia/noticia/2022/08/01/amazonia-tem-aumento-de-8percent-nos-incendios-em-julho-em-comparacao-ao-ano-passado-apontam-dados-do-inpe.ghtml" target="_blank" rel="noreferrer noopener">g1</a></p>

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas