Matérias
Meio Ambiente

Amazonas será representado no Congresso Internacional de Tecnologia para o Meio Ambiente

Artigos aprovados do Amazonas serão apresentados no Rio Grande do Sul

Escrito por
April 16, 2023
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria
Leia Também

<p>Com o tema central “Inovação e Sustentabilidade: Desafios para um futuro Melhor”, o congresso nacional, que reúne estudos científicos para a melhoria do meio ambiente, terá o Amazonas terá apresentação de dois artigos aprovados.</p>

<p>O 7° Congresso Internacional de Tecnologias para o Meio Ambiente, que acontecerá nos dias 9 a 11 de maio, no Rio Grande do Sul.</p>

<p>Os trabalhos científicos sobre ações da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), do Governo do Amazonas, tratam sobre o programa Ilumina+ Amazonas e sobre o Sistema de Gestão Socioambiental do órgão.</p>

<p>O "Ilumina+ Amazonas: Um Programa de Tecnologia Sustentável, Eficiência Energética e Promoção da Qualidade de Vida da População” e "A efetividade do Sistema de Gestão Socioambiental como Instrumento de Gerenciamento de Obras do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus e do Interior” são os títulos dos artigos que passaram pelo crivo da banca avaliadora do Congresso.</p>

<p>O Congresso Internacional de Tecnologia para o Meio Ambiente é um evento técnico-científico organizado pelo Instituto de Saneamento Ambiental da Universidade de Caxias do Sul (UCS). </p>

<p>Faz parte da programação da FieamaCo, feira de negócios, tecnologia e conhecimento em meio ambiente, organizada pela Fundação Proam.</p>

<p>“O objetivo das abordagens, é colaborar com o conhecimento científico em sustentabilidade ambiental”, observa o coordenador executivo da UGPE, engenheiro civil Marcellus Campêlo, que assina os artigos, junto com Otacílio Cardoso, subcoordenador Ambiental, Leonardo Barbosa, subcoordenador de Planejamento, Viviane Alves, subcoordenadora Social e a técnica Camila Fuziel, ambos do órgão.</p>

<p>Otacílio ressalta que a UGPE, hoje, é referência, tanto em relação à gestão de sistemas, como na elaboração de projetos sustentáveis. Um exemplo, diz ele, é o programa de modernização da iluminação pública no interior, com a implantação de luminárias de LED, que iluminam mais e com menor consumo de energia, além de proporcionar a redução de emissão de carbono na atmosfera.</p>

<p> “A participação em eventos científicos com grande visibilidade, como esse, nos ajuda a replicar práticas ambientais”, enfatiza o gestor, que é engenheiro florestal.</p>

<p>Na 7ª edição, o Congresso Internacional de Tecnologia para o Meio Ambiente possui como tema central “Inovação e Sustentabilidade: Desafios para um Futuro Melhor”.</p>

<p>Segundo a gestora ambiental Camilla Fuziel, que também assina os artigos científicos, o objetivo do evento é promover uma discussão sobre a temática ambiental e contribuir para a evolução do contexto do conhecimento, contemplando aspectos da ciência, do desenvolvimento tecnológico e da inovação.</p>

<p>Sobre os objetos de pesquisa:</p>

<h2><strong>Ilumina+ Amazonas</strong></h2>

<p>Por meio do programa de modernização da iluminação pública do interior, o Governo do Amazonas já implantou LED em 32 municípios. O principal objetivo do programa é realizar a substituição das lâmpadas antigas que utilizam vapor de mercúrio, vapor de sódio, vapor metálico e mistas, por modernas luminárias de LED.</p>

<h2><strong>Prosamin+</strong></h2>

<p>O Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus e Interior (Prosmin+) é resultado da parceria entre o Governo do Estado do Amazonas e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), com obras múltiplas, voltadas para a execução de melhorias socioambientais, urbanísticas e habitacionais.</p>

<p>O programa contempla saneamento básico, como coleta e tratamento de esgoto, intervenções na rede de drenagem urbana, requalificação urbanística, tratamento de áreas de risco socioambiental e reassentamento em moradias dignas, melhorias e ampliação do sistema de abastecimento de água, recuperação de áreas degradadas e implantação de solução para destinação de resíduos sólidos na capital e no interior do Estado. </p>

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas