Matérias
Saúde e Bem Estar

Amazonas recebeu mais de 44 mil doses da vacina bivalente da Pfizer

Para tomar essa vacina é preciso ter no mínimo o esquema básico garantido: duas doses.

Escrito por
Thiago Freire
February 9, 2023
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria
Leia Também

<p></p>

<p></p>

<p>O Amazonas recebeu, nesta quinta-feira (09), o primeiro lote de vacina bivalente da Pfizer, com 44.400 doses do imunizante.</p>

<p>As vacinas bivalentes protegem contra o vírus original da Covid-19 e também contra a Ômicron e as subvariantes dela. As doses recebidas darão continuidade ao Plano Nacional de Vacinação (PNI), iniciando pelos grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde (MS).</p>

<p>As doses da bivalente chegaram por volta das 13h, no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes e de lá foram escoltadas até a sede da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-RCP).</p>

<p>De acordo com a diretora-presidente da FVS, Tatyana Amorim, é importante que a população fique atenta para a definição do grupo prioritário, que receberá as doses da bivalente da Pfizer neste primeiro momento.</p>

<p>“O público alvo nessa primeira fase é composto por pessoas a partir de 70 anos, pessoas que tenham alguma doença que cause imunossupressão, indígenas que vivam em terras indígenas e pessoas que vivem em instituição de longa permanência, como os asilos”, explicou Tatyana Amorim, que também pontuou os critérios necessários para aplicação de dose da bivalente.</p>

<p>“Para tomar essa vacina é preciso ter no mínimo o esquema básico garantido: duas doses. Então, se eu tomei uma dose e estou no grupo para a bivalente, vou poder tomar? Não. Tem que completar minimamente o esquema básico. Então, temos vacinas disponíveis na rede”, destacou.</p>

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas