Matérias
Política

A atual reeleição de Roberto Cidade demonstra interesse no executivo

Com a antecipação em dois anos, a eleição para presidência da Casa foi pensada já para 2026.

Escrito por
April 14, 2023
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria
Leia Também

<p>Em decorrência da Assembleia Legislativa ter antecipado em dois anos a eleição para presidência da Casa, rumores de bastidores da política local alegam que o ato foi pensado para 2026, mirando o governo do Estado.</p>

<p>Com a reeleição de Roberto Cidade, o atual prefeito pode ter ficado em situação delicada para o ano de 2026, pois o interesse dessa reeleição foi pensado a longo prazo.</p>

<p>Com a vaga que deverá abrir no Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), em 2026, após aposentadoria de um dos conselheiros, coincidentemente, ao final do mandato de Cidade, o nome que está sendo comentado para assumir a corte do Tribunal de Contas é do vice-governador, Tadeu de Souza (Avante).</p>

<p>Em lógica, o espaço estará aberto para que o presidente da Aleam possa assumir o governo do Amazonas, durante viagens ou após uma possível saída de Wilson Lima (União) para disputar as eleições em 2026 para o senado, segundo fontes dos bastidores da política.</p>

<p>Nessa linha de pensamento, o atual prefeito de Manaus está em situação delicada e complicada, já que a indicação de Tadeu de Souza para ser vice de Wilson Lima tinha justamente a função do vice-governador, que, ao assumir a cadeira de governador, poderia preparar tudo para a candidatura de David Almeida ao governo do estado em 2026. </p>

<p>Após essa mudança no jogo, ele dificilmente terá o apoio do governo do estado no pleito.</p>

<p>A aliança entre Cidade e Wilson Lima vem se firmando na política do estado e deixa o governador livre para a tomada de decisões sem precisar da autorização de nomes da velha política local.</p>

<p>Roberto Cidade foi reeleito, na última quarta-feira, 22 e conduzirá a Aleam por três mandatos consecutivos, que findam em janeiro de 2027, após manobra política que gerou crítica entre políticos e a sociedade civil.</p>

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas